Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

Blockchain é usado no rastreamento de carne bovina

Blockchain no rastreamento de carne bovina. Projeto desenvolvido pelo CPQD fornece dados estratégicos ao criador.

A inovação tecnológica chegou para ficar. E como nunca antes, o blockchain está sendo utilizado no rastreamento de carne bovina.

A novidade veio do Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPQD), que recentemente anunciou que está desenvolvendo, em parceria com outras empresas especializadas, um projeto inédito de blockchain para o setor do agronegócio.

As empresas em questão são a Safe Trace, especialista no rastreamento de alimentos e suas cadeias produtivas, e a Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (EMBRAPII),

De acordo com o Portal CIO, o projeto batizado como Agro Trace Chain, tem como “objetivo evoluir o protótipo além do produto mínimo viável (MVP) de uma solução que rastreia a produção de carne bovina”.

Antes de ser apresentada oficialmente ao mercado, a solução passou por testes de desempenho e análise de mercado.

Para desenvolver o projeto de blockchain no rastreamento de carne bovina, foram necessários seis meses de desenvolvimento da ferramenta pela CPQD e Safe Trace.

“A intenção agora é ganhar escala, ampliar as aplicações e atender a novos requisitos dos clientes, como a conformidade socioambiental das propriedades e a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD), por exemplo”, afirma Vasco Picchi, diretor de Novos Negócios da Safe Trace.

Blockchain no rastreamento de carne bovina na prática

A dinâmica é bastante simples. Cada boi é registrado no sistema de rastreamento e adicionado ao banco de dados que opera com tecnologia blockchain.

Assim o produtor tem acesso a dados fundamentais, os quais na maioria das vezes, sem este sistema, não teria acesso. Ou seja, ele pode acompanhar de perto, mesmo que a distância, a evolução da sua produção.

“Essa rede permitirá enxergar toda a cadeia produtiva da carne, que começa na propriedade rural e passa pelos frigoríficos, centros de distribuição até chegar ao varejo. Dessa forma, poderemos garantir mais transparência para o consumidor, não só em relação à qualidade do produto que está comprando como também no que diz respeito a questões socioambientais”, conclui Picchi.

 Blockchain na saúde

Há pouco menos de um ano, o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPQD), desenvolveu um projeto de rastreamento na área da saúde.

Em parceria com a wconnect, o CQPD assegurou a parte legal de viabilidade da Simples Receita, via blockchain.

A plataforma Simples Receita mudou definitivamente a relação entre médicos e pacientes desde o início da pandemia.

De forma que o paciente passou a ser atendido via telemedicina, e a receita passou a ser registrada, via blockchain, e encaminhada, por meio da plataforma, para a farmácia de preferência do paciente.

Todo esse movimento evitou com que o paciente precisasse ir pessoalmente até a farmácia para adquirir seus medicamentes. E o melhor, com toda a segurança da tecnologia de blockchain.

Para saber mais, clique aqui.


Artigo originalmente publicado no altavista.news

Foto: Alexander Van Steenberge.

Compartilhe este post:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

Participe do canal exclusivo da wconnect no Telegram.  Lá você recebera todas as novidades sobre Big Data, Inteligência de Mercado, Machine Learning e muito mais.

Google Notícias é um agregador de notícias e aplicativo desenvolvido pela Google. Siga o perfil da wconnect e receba todas as notícias diretamente no seu celular.

Artigos Relacionados

Contato
SOLICITE ATENDIMENTO

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.

E-book Gratuito
COMO ALAVANCAR SUA CARREIRA EM ANALYTICS
capa-ebook-como-alavancar-sua-carreira-em-analytics-wconnect-lavoremio

Preencha abaixo para
receber o material

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.